Novas Matérias:
recent


Cuidados com o cão no inverno

Se o seu animal de estimação vive fora de casa, ele irá precisar de atenção especial no próximos dias. Saiba quais os cuidados tomar para manter seu pet confortável e seguro nas baixas temperaturas.


Cuidados com o cão no frio

O período de temperatura amena já chegou, e segundo especialistas, este será um ano de muito frio, e não é apenas nós (seres humanos) que sofremos com o outono ou inverno, nossos animais de estimação também precisam de atenção especial e de cuidados para combater este tempo gelado. Desta forma, se você possui animal de estimação e este vive fora de casa, os cuidados devem ser ainda maiores para garantir o conforto e saúde de seu (a) amigo (a).

Animais susceptíveis ao frio

As baixas temperaturas ocasionam a queda da resistência do animal, deixando-o mais susceptível a diversas doenças, em especial, as que são mais comuns durante este período do ano. Animais filhotes, idosos, diabéticos, cardíacos, imunossuprimidos e com doenças osteoarticulares necessitam de cuidados e atenção especial. É válido ressaltar que animais com problemas em articulações apresentam quadros de intensa dor e dificuldade de locomoção devido à baixa temperatura.

Ainda, contemplando o grupo de risco estão os animais que vivem em grupo ou em grande população, como em abrigos, canis ou residências com inúmeros animais. Nestes casos, deve-se manter atualizada a vacinação contra a bactéria Bordetella bronchiseptica, responsável pela Traqueobronquite Infecciosa Canina ou traqueíte, mais conhecida popularmente como Tosse dos canis. E tratando-se de população e vacinação, a imunização contra o vírus da Cinomose também se faz muito importante não apenas neste período mais frio, mas ao longo de toda a vida do animal. Contudo, a cinomose possui maiores chances de contaminar novos animais aglomerados, que sofrem com descuido de higiene e ausência de vacinação.

Sinais clínicos que merecem atenção

Por este motivo, você proprietário (a), fique atento (a) quando o seu animal de estimação apresentar alguns sinais clínicos, como secreção nasal, espirros frequentes, prostração, febre, ausência de apetite, diarreia, emagrecimento e desidratação. Ao notar tais sinais, procure isolar este pet dos demais animais de sua residência ou canil, e leve-o ao médico veterinário o quanto antes para evitar a evolução da enfermidade.

Dicas e cuidados com cão no inverno

Como prevenir que seu animal fique doente no inverno? Seguindo algumas dicas e cuidados, você conseguirá certamente manter o seu animal saudável e livre de determinadas doenças que melhor se propagam no frio, e garantirá conforto ao mesmo para driblar as baixas temperaturas. Confira-as logo abaixo:

[Cuidados com o cão no frio•Abrigo ou casinha: Caso o seu animal de estimação durma com você em sua cama, pule para dica seguinte, caso contrário, é indicado providenciar uma casinha ou caminha para melhor protege-lo do frio, em especial animais que vivem fora de casa. No entanto, se no momento você não possui condições de comprar uma casinha, adapte em um ambiente (área de serviço, banheiro, garagem ou em qualquer outra região da casa) uma proteção para seu pet. Para isso você pode utilizar caixas de papelão, construir um abrigo a partir de bacia de plástico, enfim, crie algo eficiente para isolar o cão da corrente de ar gelado e da friagem do piso.

Faça o uso de tapetes, camadas de caixa de papelão, almofadas que você não utiliza mais, enfim, use sua criatividade e proteja seu animal de estimação, é sua responsabilidade garantir o mínimo de proteção e cuidado. É válido ressaltar que você não deve deixar a casinha ou caminha diretamente em contato com o piso frio devido a umidade, desta forma, utilize papelão ou até mesmo tijolos ou outro objeto para evitar este problema.

Cuidados com o cachorro no inverno
•Roupa: Animais de pelo curto sentem mais frio, e por este motivo, providencia uma roupa para seu pet, a qual pode ser adquirida em um Pet Shop, confeccionada em casa através de moldes grátis nainternet ou adapte camisas que você não utiliza mais como agasalho. No entanto, certifique-se de que seu pet esteja bem confortável, de que a roupa não está apertada e que não limite a movimentação do mesmo. Ainda, ao notar vermelhidão na pele do animal, procure suspender o uso de tal peça, pois há possibilidade de provocar alergias.

Cuidados com o cão no inverno
•Banhos: É recomendado que você reduza a quantidade de banhos durante este período mais gelado do ano, mas caso seja necessário, certifique-se de que não existe corrente de ar, de que a água está em temperatura adequada (quente ou morna), realize o banho rapidamente e seque o animal com toalha e secador, e em seguida, evite que o mesmo saia no frio.

Cuidados com o cachorro no frio•Higiene do ambiente: Provavelmente as dicas que você encontrará neste tópico já fazem parte de sua rotina diária de limpeza, porém, nunca é demais ressaltar que a higiene em que seu animal vive é importantíssima para garantir a saúde dele e de sua família. Assim, recolha as fezes o mais rápido possível, lave as vasilhas de água e comida ou ração com sabão neutro diariamente ou em dias intercalados. Lave os cobertores e roupinhas de seu pet regularmente e sempre que possível, exponha-as ao sol.

Cuidados com cachorro no inverno
•Vacinação: E claro, mantenha a vacinação em dia como já dito anteriormente, caso você não saiba quais são as vacinas que seu cão deve tomar, confira nossa matéria “Quais vacinas os cães devem tomar?” que explica detalhadamente como deve ser a imunização de seu pet. Caso tenha alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários logo abaixo ou entre em contato com o médico veterinário de sua confiança.

Algo importante a ressaltar sobre os cães durante o outono ou inverno é que eles podem ficar mais dorminhocos e quietos em sua casinha ou caminha, e isso se deve ao frio. Ou seja, é um comportamento normal, assim como nós preferimos ficar em casa ao invés de sair de casa.

Este texto não substitui uma assistência médica-veterinária

Tags: Cuidados com o cão no inverno, Cuidados com o cão no frio, Cuidados com o cachorro no inverno, Cuidados com o cachorro no frio, 




   Autor

Matéria desenvolvida pelo Médico Veterinário Maikon Celestino (CRMV-SP 36.797), formado pela Faculdade Sudoeste Paulista - FSP em 2015, que além de atuar na Clínica Médica e Cirúrgica de Pequenos Animais, cria conteúdo virtual sobre o mundo PET.

SnapChat celestinomaikon
Facebook /maikonveterinario
Instagram /maikon.celestino
Twitter /maikoncelestino




Comnetários




Tecnologia do Blogger.