Novas Matérias:
recent


Cuidados com os cães no inverno e frio


Os cães, assim como outras espécies de animais, necessitam de cuidados e atenção tanto no verão quanto no inverno. Saiba como cuidar de seu amigo nos dias mais frios do ano!


Com a aproximação dos dias mais frios do ano, não são apenas os humanos que sentem com a queda da temperatura, ou seja, os animais também sofrem com o inverno, principalmente as raças de pelagem mais curta. Contudo, há raças de cães que são mais resistentes as temperaturas mais baixas devido a sua pelagem e a camada de gordura subcutânea, como por exemplo, o Malamute do Alaska, o Husky Siberiano e o São Bernardo. No entanto, o frio não é a única consequência das baixas temperaturas, mas também o aparecimento de determinadas doenças, as quais podem ser combatidas e prevenidas com cuidados simples.

Assim como os humanos, os cães também são susceptíveis a doenças típicas do inverno, como o resfriado que pode resultar em alguns sinais clínicos já conhecidos, como febre, espirros, tosse, coriza e falta de apetite. A esta enfermidade é dada o nome de tosse do canil e/ou traqueobronquite, a qual pode aparecer em qualquer época do ano, apesar de que nos meses mais frios, a sua predisposição é maior devido à baixa temperatura. É altamente contagiosa entre os cães a partir do contato direto entre os animais e pode ser causada por fungos, bactérias ou vírus.


Cuidados com cães no inverno e frio

No entanto, além das doenças respiratórias, os animais idosos que sofrem com complicações relacionadas à osteoarticulares, como hérnia de disco, calcificações na coluna e artrose, podem sentir mais dor quando expostos a temperaturas mais baixas. Outro fato comum que ocorre sem muita a atenção dos proprietários está relacionada com o banho, ou seja, banho e secagem dos pelos em casa ou no Pet Shop seguidos de passeios na rua ou exposição ao frio é prejudicial ao animal em qualquer idade devido ao choque térmico. Dentre os demais e não menos importantes cuidados com o cão no inverno e frio, destacam-se:

∙Evite banho e tose em dias muito frios, e reduza a quantidade de banhos durante a estação mais fria do ano.
∙Coloque roupa em seu animal de estimação, principalmente se cão possui pelagem curta.
∙Caso você resida no exterior e em uma região em que é comum nevar ou gear, coloque sapatos que protejam as patas do seu cão contra queimaduras causadas pelo frio.
∙Existem cães que apesar do frio, não dormem dentro da casinha ou de um lugar coberto, assim prenda-o em um local abrigado, sobretudo, nos dias de muita chuva e frio.
∙Realize a vacinação anual de seu cão contra traqueobronquite, principalmente se seu cão frequenta intensamente locais em que há outros animais, como hotéis para cães, Pet Shops, exposições e outros.
∙Leve seu cão para passear apenas nos horários mais quentes do dia, das 11 a 15 horas.
∙Aumente cerca de 20% a alimentação de seu cão durante o inverno, exceto para animais que sejam obesos, que não realizem atividade física e/ou que tenham predisposição a ganhar peso.
∙Providencie uma casinha aconchegante e confortável que livre seu animal de corrente de ar gelada e coloque-a em um local coberto como garagem, lavanderia ou até mesmo dentro de casa.

Ainda, dentre os cuidados com os cães no inverno e frio, faça uma boa ação nesta estação mais gelada do ano, isto é, abrigue ou ajude a aquecer um animal sem dono, sejam os cães de sua rua ou realizando doações a uma entidade protetora, como o Abrigo Piccolina.

Tags: Cuidados com os cães no inverno e frio; Cuidados com os cães no inverno; Cuidados com os cães no frio; Cuidados com os cachorros no inverno; Cuidados com os cachorros no frio.




   Autor

Matéria desenvolvida pelo Médico Veterinário Maikon Celestino (CRMV-SP 36.797), formado pela Faculdade Sudoeste Paulista - FSP em 2015, que além de atuar na Clínica Médica e Cirúrgica de Pequenos Animais, cria conteúdo virtual sobre o mundo PET.

SnapChat celestinomaikon
Facebook /maikonveterinario
Instagram /maikon.celestino
Twitter /maikoncelestino




Comnetários




Tecnologia do Blogger.